O aumento de aquisições e fusões com empresas chinesas

Com o aumento de fusões e aquisições de empresas brasileiras por chineses, o contato com os asiáticos no país tem sido cada vez maior. Principalmente nas relações corporativas.

De janeiro a abril deste ano, foram 5,6 milhões de dólares investidos nestas fusões e aquisições no país. Tornando assim a China como principal investidor estrangeiro no Brasil neste ano. Sendo que a previsão é que as aquisições continuem até o final do ano. O que também estimula o aumento de oportunidades de emprego.

E neste cenário o domínio do segundo idioma é fundamental. Porque muitos dos diretores e gestores dessas empresas são chineses. Por isso, a comunicação em português será menor do que empresas naturalmente brasileiras.

Mas não será somente o idioma a única barreira e diferencial dessas empresas. A cultura, o comportamento de líderes e funcionários são diferentes.

Você está preparado para trabalhar em uma empresa chinesa?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *