Valentine’s day além dos Estados Unidos

Muito conhecido nos Estados Unidos, principalmente como se pode ver nos filmes de Hollywood, o Valentine’s Day, dia de São Valentim, não é comemorado no Brasil, mas celebra o amor em muitos outros países do mundo.

– Alemanha. Cada vez mais popular na Alemanha, o Dia de São Valentim chegou ao país através dos soldados americanos após a Segunda Guerra Mundial. Para celebrar a data, os alemães participam de um baile os apaixonados trocarem flores, chocolates ou presentes em forma de coração no dia 14 de fevereiro. Mas alguns alemães gostam de ousar e presenteiam a pessoa amada com porcos, não de verdade.

– Inglaterra. No início do século XVIII os ingleses tinham um costume popular, que na noite de véspera de São Valentim, as mulheres umedeciam cinco folhas de louro com água de rosas e as colocavam no travesseiro. E antes de dormir, elas recitavam a seguinte oração: “Querido Valentim, seja bondoso comigo; permita-me ver meu amor verdadeiro em meus sonhos”. Se a simpatia funcionasse, as mulheres viam seus futuros maridos em seus sonhos.

– Itália. Em um dos países mais românticos do mundo, contam que na Itália os romanos costumavam devotar seus deuses em 15 de fevereiro e pediam proteção para suas colheitas e seus gados, assim como prosperidade e fertilidade. Sendo que na noite da véspera, os homens e as mulheres costumavam colocar seus nomes em uma jarra e uma criança tirava dois nomes ao acaso para definir um novo casal. Depois eles festejariam juntos e viveriam juntos durante um ano. Mas em 496 d.C., o Papa Gelasius I. aboliu este rito pagão e o substituiu por um dia de homenagem ao Santo Valentim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *